domingo, 26 de setembro de 2010

Salve São Cosme e São Damião

Compartilhar
Esta Semente de Luz, tem a intenção de revelar de acordo com as histórias provindas da Igreja Católica, quem foram estes Santos, descrevendo sua vida, seus feitos e o desencarne de cada um.

São Cosme e São Damião, que possuem os nomes de batismo Acta e Passio, nasceram em uma família de nobres pais cristãos, tendo a mãe, de nome Teodora, criado eles dentro dos princípios do cristianismo, ensinando-lhes a cumprir a lei de Deus e praticar o bem sempre que lhe fosse possível. Possuiam ainda três irmãos mais velhos chamados: Antimis, Leôncio e Euprépio.

Acta e Passio, nasceram no século III D.C., na antiga província de Cecília, na Ásia menor, numa pequena cidade chamada Egéia.

Impulsionados pela fé e devoção em Cristo que era o médico das almas, Cosme e Damião, em fase de cursar estudos além dos obtidos em tempo de mocidade, optaram pelo estudo da medicina em Cítia, onde puderam aprender assuntos e ciências mais adiantadas. O oriente, sempre foi sinônimo de aprendizados, um berço de sabedorias e filosofias até hoje empregadas, logo, os conhecimentos oferecidos naquela época tiveram todo o apoio proporcionado pelos sábios e filósofos orientais para o campo de atuação buscado por ambos.

Tendo os santos gêmeos os pensamentos sempre constituídos em Cristo que diante da caridade, amorosidade e afeto inspirado pela fé no Pai, curava quem o procurava sem cobrar nada; eles após o termino de seus estudos em Cítia, promoveram pelas cidades que passaram a cura de diversas enfermidades, incluindo os animais que padeciam de um mal qualquer, curando-os também.

Eles realizaram diversas curas num trabalho que sempre foi constituído pela fé que devotavam a Jesus, restituindo aos cegos a luz, aos surdos a audição, aos doentes a saúde. Atravessavam desertos, penetravam em casa dos mais ricos e batiam na porta de pobres pagãos, sempre trazendo a eles as palavras santas do Cristo e os remédios para as suas doenças.

Por abraçarem os ensinamentos de Jesus, que promovia o bem, a cura e os ensinamentos em suas andanças, sem cobrar nada, faziam o mesmo em nome Dele, realizando ambos, diversas curas e tendo eles o apelido de "Anargiros", significando, desafeitos ao dinheiro.

Uma curiosidade sobre as suas vidas foi retratada em uma pintura do século XV, pelo artista chamado Mestre de Los Balbases ao curarem uma perna gangrenada com um transplante de perna retirada de um cadáver, um mouro. Interessante tal fato não? Imaginem como deve ter sido realizado os ligamentos dos nervos, tendões, veias, enfim, de todo o material enchertado no lugar da então perna gangrenada! Obra de um milagre mesmo, principalmente imaginando quais eram os recursos existentes na época em questão.

A fama destes santos, logo chegou ao conhecimento do Imperador Diocleciano, que perseguia os cristãos, tendo ordenado a prisão dos Santos gêmeos, acusado-os de prática de feitiçaria ao realizarem tais curas. Condenados a morte, por não aceitarem os deuses romanos e negarem a fé em Jesus, antes de terem a sentença cumprida, passaram por diversas torturas que pela história relatada de ambos mártires, nenhuma delas teve o seu objetivo atendido.

As torturas foram: pedradas e flechadas, que não os atingiram, foram jogados de um despenhadeiro em direção ao mar para se afogarem, mas um anjo os salvou, lançados ao fogo, não sofreram nenhuma queimadura, tendo por fim encaminhados para serem decapitados pela lâmina de uma espada.

Quando o Imperador Justiniano, por volta do ano 530, ficou gravemente enfermo, deu ordens para que se construísse, em Constantinopla - Atualmente Istambul, capital da Turquia -, uma grandiosa igreja em honra dos seus protetores.

Hoje em dia os seus restos mortais se encontram em três igrejas, a primeira que foi consagrada para os Santos na cidade de Cira, na Síria. No século VI, uma parte das relíquias foi levada para uma Igreja em Roma que adotou o nome dos Santos. E por fim, a outra parte desta relíquia foi guardada na Igreja de São Miguel, no altar-mor, em Munique, na Alemanha.

A data de comemoração pela Igreja Católica para os Santos Cosme e Damião é o dia 27 de Setembro, assim como para São Vicente de Paulo.

Há uma grande diferença entre a comemoração para a data pela Igreja, como para as comemoradas pela Umbanda e pelo Candomblé, onde os dois Santos diante do sincretismo possuem a ligação à linha de força Ibejada, linha das crianças, erês e curumins.

Amanhã irei plantar uma Semente de Luz falando sobre a ligação deles com a Umbanda e o Candombé.

Uma noite de muita luz e que esses Santos Católicos possam abençoas a vida de todos que amam Jesus e pregam junto a fé que possuem nele o amor ao próximo como a nós mesmos.

OBS: Não posso deixar de parabenizar uma mocinha chamada Vera Malaco que está fazendo aniversário hoje! Se prepara, porque muitas crianças vão até aí para cantar parabéns, isso é, se já não foram por causa da hora! rs Um Feliz aniversário repleto de muita felicidade, saúde e paz de espírito.

Fontes:
Catholic Encyclopedia /Blog Morpheus /Tenda Espírita Caxana /Site Com Amor

4 comentários :

Cida Pinheiro disse...

Muito linda a história deles...
Sempre ouvi falar de Cosme e Damião mais ainda não tinha tido previlegio em saber a história deles!!!
Muito obrigado por dividir o seu conhecimento conosco!!!
Uma semana de muita luz pra vc!!

Manuela Franklin disse...

Querido IRMÃO Azul que JESUS CONTINUE A ILUMINAR PARA QUE SEMENTES DE luz POSSAM GERMINAR EM TODOS OS eSPIRITOS
cOMO O ACASO NÃO EXISTE FIQUEI FASCINADA POR ESTE POSTAGEM DE SAO COSME E SAO DAMIÃO, é para mim uma homenagem a uma grande amiga e IRMÂ que na sua sabedoria me revelou que SAO DAMIÃO era o meu GUIA , nessa altura ainda não tinha discernimento para entender a LUZ . Com humildade desejo aprender e servir sempre com muito AMOR e PAZ
este é o endereço do meu blog pois tambem temos a filosofia e a doutrina Espirita em comum :)
MUITA LUZ E PAZ

http://saudepelagua.blogspot.com/

Cida Pinheiro disse...

Muito linda a história deles...
Sempre ouvi falar de Cosme e Damião mais ainda não tinha tido previlegio em saber a história deles!!!
Muito obrigado por dividir o seu conhecimento conosco!!!
Uma semana de muita luz pra vc!!

Irmão Azul disse...

Salve Cosme e Damião e todas as crianças.. 
A historia deles é muito interessante,e nos mostra o quanto a fé é inabalável... 
obrigada por compartilha-la conosco...
paz e amor! 
Fernanda Visconti
 

Sementes de Luz Plantadas